Comunidade da Construção de Goiânia: 15 anos promovendo o fortalecimento da cadeia da construção

Pin It

A Comunidade da Construção é um movimento nacional pela integração dos agentes da cadeia produtiva e desenvolvimento dos processos construtivos à base de cimento. Sua formação é um processo contínuo e gradativo e a sua base de funcionamento é a troca positiva. Partindo da contribuição (financeira, de conhecimento e de articulação) de cada empresa ou profissional, os membros passam a fazer parte de uma rede sinérgica, em que todos colhem os frutos da organização e da cooperação de cada um. Facilitadora e propagadora de boas práticas, a Comunidade de Goiânia teve início em agosto de 2002, desde então, “o seu legado para a região é a constituição de uma atmosfera representativa da cadeia da construção civil, de caráter amigável, democrática e de muita participação, verdadeiramente rica em troca de experiências”, conforme define o professor Dr. Oswaldo Cascudo, coordenador técnico da Comunidade da Construção de Goiânia.

O polo goiano é fruto da parceria entre a Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP), o Sinduscon-GO e a Universidade Federal de Goiás (UFG). A manutenção financeira do programa é possível pelo engajamento e participação de 40 empresas construtoras e fornecedoras de produtos e serviços, as quais patrocinam anualmente cada ciclo de atividade. Justamente por esta união e compromisso com o desenvolvimento do setor que a Comunidade de Goiânia é destaque nacional no que tange às ações desenvolvidas. Em cada ciclo de ações são realizadas atividades como cursos, treinamentos, palestras, seminários, fóruns permanentes, workshops, visitas técnicas em obra, pesquisas científicas e reuniões técnicas, sempre com o objetivo de aproximar a teoria da prática, disseminar as normas técnicas e boas práticas construtivas, com foco na industrialização e a racionalização dos canteiros de obras.

Em agosto de 2017, a Comunidade de Goiânia completa 15 anos. Cada ciclo proposto pela coordenação do programa é pensado e planejado com muita responsabilidade. Neste ano, temas como revestimentos de argamassa, norma de desempenho, argamassa projetada, estruturas de concreto armado e durabilidade das edificações são destaque no cronograma de atividades.

Agentes envolvidos

Arquitetos, engenheiros civis, projetistas, consultores, construtoras, empreiteiros, entidades, fabricantes, laboratórios; Sinduscons e Universidades.

Por que participar?

  • Acesso facilitado a todos os elos da cadeia produtiva;
  • Abrangência nacional;
  • Conhecimento de novas práticas construtivas;
  • Informações sistematizadas;
  • Rede de relacionamento;
  • Networking entre o grupo participante;
  • Suporte técnico e mercadológico aos projetos;
  • Aumento da competitividade no mercado;
  • Melhoria contínua dos processos;
  • Capacitação profissional;
  • Divulgação nacional dos resultados.

oficina da norma

XIII Oficina da Norma de Desempenho
realizada no dia 18/05/2017, no teatro PUC Goiás

 

DANIELA CASTRO SILVA,
engenheira civil pela PUC/GO, especialista em Gerenciamento de Obras,
Tecnologia e Qualidade da Construção pelo Ipog,
aluna do curso de mestrado PPG-GECON/UFG

e coordenadora técnica operacional na Comunidade da Construção de Goiânia


Publicações de relatórios de atividades da Comunidade da Construção

9Ciclo Capa 8 ciclo capa 7 ciclo capa 6 ciclo capa
Pin It

Cadastre seu e-mail

Saiba das novidades em primeira mão.
Cadastre-se em nosso portal.